Maravilhoso

Estamos voltando de nossa deliciosa viagem (agosto/2019). Muitas dicas pegamos deste blog. Indicamos para todos os brasileiros q pensam em ir visitar Bariloche. Passamos 7 dias e todos os dias tivemos o q fazer nesta cidade. Indicamos Piedras Brancas para brincar com a família. Alugamos roupas para neve na loja Erni onde fomos bem atendidos. Amamos andar a cavalo no Los Baqueanos, que inclui o passeio, almoço e lanche da tarde e uma vista maravilhosa!!! Jantamos na Parrilha do Tony e não nos arrependemos! Carne de sabor único! Já q no restaurante Alberto…devido filas e como o jantar iniciava a partir das 20hs, não deu para irmos. Saíamos dos parques exaustos precisando de uma comida gostosa… não dava para esperar até às 20hs, e mais uma hora de fila, ainda mais com crianças. Outra opção foi ir no restaurante da Família Weisse, tinha uma boa carne carneiro e um lugar muito aconchegante. Ah..o q se gasta de dinheiro em um lanche.. q acho difícil de agradar o paladar de um brasileiro do sul… com certeza a carne dos restaurantes de parrilha vale muito mais a pena, em preço e sabor! Adoramos conhecer o vulcão Tronador, mas a estrada até lá foi meio q um desafio devido buracos…mas valeu a pena! Dica importantíssima: Se puderem alugar um carro, façam isso! Tem muitos lugares lindos para conhecer!

Avatar

Autor: Alejandro Sainz

Alejandro é irmão da Sabrina e sócio-diretor do Bariloche para Brasileiros. Músico e publicitário brasileiro e argentino, nasceu em Buenos Aires, mas cresceu e vive no Rio de Janeiro. Ficou tão deslumbrado quando conheceu a Patagonia e Bariloche, que compôs uma música chamada “Patagonia” com sua banda de rock, que virou disco e videoclip realizado apenas com filmagens da região. Seu lugar preferido é a estepe patagônica. Também é louco pelas cervejas artesanais, chocolates e tudo que é “ahumado” (defumado) da região: comida, cerveja, molhos etc.

Deixe uma resposta