Bariloche, a Capital Nacional do Turismo Aventura na Argentina

 

Bariloche é muito frequentada no inverno pelos brasileiros, principalmente pelos que querem se iniciar no ski, fazer outras atividades ou simplesmente conhecer a neve, afinal não temos esta possibilidade no Brasil. Sempre falo para as pessoas que já vieram no inverno que venham em outras épocas para conhecer outras características desta cidade que tem tanto a oferecer.

 

Devido à sua natureza que dá a possibilidade de realizar diferentes atividades ao ar livre, à sua história e organização de eventos esportivos,  Bariloche foi declarada há poucos anos atrás pelo Senado Argentino, a Capital Nacional do Turismo Aventura, muito merecidamente.

 

Muitas das atividades de aventura são feitas com mais frequência nesta época, de novembro a março, apesar  de que algumas delas também são feitas no inverno além do ski: caiaque, cavalgadas, tirolesa, trekking, mountain bike, parapente, rafting, balsas, andar de veleiro, mergulho, escalada, etc. Agora no início de novembro começou a temporada de pesca esportiva e na cidade existe várias opções de saídas com guias experientes.

 

Também neste mês, nos dias 29 e 30 de novembro (sábado e domingo) das 12 as 19 hs, será realizada a semana de aventura no “Complejo los Baqueanos” (um lugar lindo, localizado bem na beira do Lago Gutierrez), com entrada e diferentes atividades gratuitas. A ideia deste evento é fazer com que as pessoas possam conhecer mais as atividades de aventura que oferece Bariloche, sejam os turistas ou residentes.

 

 

Neste evento, vários prestadores de serviços estarão presentes para brindar aos visitantes informações e as atividades gratuitas. No lugar também estarão presentes stands de gastronomia típica e shows ao vivo, tudo isto em contato com uma linda paisagem na beira do lago e rodeado de bosques e montanhas. Lembrando que quem puder levar um alimento não perecível ao ingressar no lugar estará ajudando com a campanha da rede solidária de Bariloche.

 

 

 

Para quem quer conhecer Bariloche fora do inverno, não tenha receio, a cidade tem muitas opções de atividades e passeios. Além dos esportes de aventura, o que se pode fazer nesta época são alguns passeios que saem durante todo o ano: Circuito Chico com subida ao Cerro Campanario (onde tem mirantes e confeitaria), Confeitaria giratória do Cerro Otto, Cerro Catedral, onde é possível subir por um teleférico desde a base para chegar ao cume da montanha, onde tem mirantes e restaurantes. É interessante também fazer uma navegação à Ilha Victoria e Bosque de Arrayanes, ir ao Vulcão Tronador onde está a última geleira negra, conhecer cidades que estão perto de Bariloche, indo e voltando no mesmo dia, como Villa La Angostura e Traful (através do Circuito Grande) ou San Martin de Los Andes e El Bolson e Lago Puelo. E por que não pegar uma prainha?

 

 

Espero que possam vir muitos brasileiros para conhecer Bariloche no verão e como sempre, é um prazer enorme poder recebê-los pessoalmente na agência.

 

Um abraço e ótima semana!

Autor: Sabrina Poinho

Sabrina, autora e fundadora do Bariloche para Brasileiros, é barilochense e carioca de coração, mas mineira de nascimento. Se formou em Bariloche como guia regional da Patagônia, se tornando a primeira brasileira a ter este título. É louca com a gastronomia de Bariloche e só sendo louca por vôlei também para tentar manter a forma com tanta comida boa no friozinho patagônico. Está casada e mora em Bariloche há mais de 10 anos por culpa de um argentino que é físico atômico e irradiou o seu coração...

2 pensamentos

  1. Oi Sabrina; Adorei o post e já decidi que quando tiver oportunidade de conhecer Bariloche pretendo ir no fim de novembro; porque apesar de achar lindo a neve; não curto muito o frio. Este ano não vai dar porque já estou com uma viagem programada para o norte da Argentina; mas quem sabe em 2016 eu chego aí e com certeza irei precisar dos seus serviços.

Deixe uma resposta