Covid-19 e reabertura do turismo: situação em Bariloche e Argentina

As fronteiras argentinas estão fechadas para os brasileiros? Qual é a situação de Bariloche?

Reabertura do Turismo em Bariloche

Última atualização: 18/4/2021, 15:00.

Argentina e Bariloche: Covid-19 em números e resumo

Bariloche: Casos ativos: 1311 – Falecidos: 258

Argentina: Casos ativos: 274.775 – Falecidos: 59.164

Vacinação: 12,10% da população Argentina foi vacinada com a primeira dose até a data de publicação desta matéria.

Vacinas aplicadas na Argentina: Sputnik V, Oxford /AstraZeneca, Sinopharm/Beijing

Turismo internacional: fechado por tempo indeterminado.

Turismo doméstico: aberto, mas há toque de recolher na capital Buenos Aires e região metropolitana das 20h às 6h.

Quarentena: obrigatória por 10 dias para qualquer um que ingresse no país, mesmo com PCR negativo.

Restrições em Bariloche:

  • Restrição de circulação entre meia noite e as 6h de domingo a quinta-feira (exceto trabalhadores essenciais)
  • Restrição de circulação de 1h a 6h às sextas e sábados (exceto trabalhadores essenciais)
  • Restrito a 20 a pessoas a quantidade de participantes em atividades e reuniões sociais em espaços públicos ao ar livre.
  • Proibida a presença de público em apresentações esportivas de qualquer tipo.

Resolução 2434/21: https://bit.ly/3siPnJY
Informe de casos positivos de COVID-19: https://bit.ly/3gbWfq4

O governo argentino recomenda que argentinos e residentes não viajem ao exterior, principalmente se pertencem ao grupo de risco.

Teste de Covid-19 Ezeiza
Postos de teste de Covid-19 no Aeroporto Ezeiza.

Pré-requisitos para entrar na Argentina (aos países ainda com voos regulares)

O Brasil está na lista de países com voos regulares suspensos para a Argentina. Aos países que ainda têm voos regulares, as exigências são: teste PCR obrigatório a quem vier do exterior 72h antes da viagem, ao chegar ao país e após 7 dias da chegada. Todos os custos serão arcados pelo passageiro.

Caso o teste seja positivo para a covid-19, deverá fazer um teste de sequenciamento genético e junto com contatos próximos se isolar em locais indicados pelo governo, até serem transportados de forma segura até sua residência.

Além disso, todos devem cumprir quarentena de 10 dias, contados desde o primeiro PCR, realizado antes da viagem, no país de origem.

Quando vão reabrir as fronteiras argentinas para os turistas brasileiros?

Não é possível no momento prever qualquer data ou mês para a reabertura. Devemos ficar de olho na evolução da pandemia e da vacinação. Só assim, semana a semana, e até dia a dia, a medida que a situação epidemiológica evolui e o governo reage com novas medidas podemos ter alguma noção.

Sputnik V tem eficácia comprovada de 91,6%

Uma excelente notícia! A vacina Sputnik V, primeira vacina a ser aplicada na Argentina, desenvolvida pelo instituto russo de pesquisa Gamaleya para a Covid-19, teve eficácia de 91,6% contra a doença, segundo resultados preliminares publicados na revista científica “The Lancet”, uma das mais respeitadas do mundo. A eficácia contra casos moderados e graves da doença foi de 100%.

Como planejar sua viagem com responsabilidade?

Sabemos que muitas pessoas estão ansiosas para viajar a Bariloche. São perguntas que recebemos todos os dias: “Já posso viajar a Bariloche? As fronteiras argentinas já estão abertas para os brasileiros?”

E inquietações como: “Queria me planejar e reservar tudo logo para economizar e me tranquilizar em relação ao futuro.”

A primeira coisa que você precisar para planejar sua viagem em pleno auge da pandemia é: FELIXIBILIDADE. Flexibilidade sua e dos serviços turísticos que você contratar: passagens, hotel, passeios, transfers, seguro-viagem etc.

Se você não tem flexibilidade, se só pode viajar num período específico e não sabe se vai querer viajar para Bariloche depois, nosso conselho é: NÃO RESERVE AGORA.

Mas, se você tem flexibilidade e SABE que vai viajar para Bariloche, ok, você tem o principal para pode planejar sua viagem tranquilamente para economizar e sem se arriscar.

A nossa agência Destino Sul criou um sistema de reserva justamente para quem tem este perfil.

Você pode contratar nossos serviços com sinal de 15% para uma data estimada (os 85% restantes paga só quando viajar em nossa agência em Bariloche) e adiar sem custos e sem burocracia sempre que precisar. Seja pela pandemia, seja porque você ainda acha que não é o melhor momento. Você pode remarcar quantas vezes for necessário para qualquer data de 2021 e até de 2022. E o preço em 2022? Continua congelado, conforme o valor total no momeno que você deu o sinal de 15%. Se o passeio custa 100, você deu sinal de 15, vai continuar com o saldo a pagar de 85 mesmo que tenha adiado para 2022. A contrapartida é que não fazemos o reembolso do sinal. Por isso, esta é uma reserva muito vantajosa para quem tem flexibilidade e sabe que vai viajar a Bariloche, seja quando for, mas não recomendamos para quem não tem essa segurança.

Nosso objetivo com esse sistema flexível de reserva é que você fique despreocupado com o futuro e que saiba que sua viagem a Bariloche já está garantida e que vai acontecer no momento certo, sem inquietação. Nem que seja em 2022.

Qualquer dúvida, fale com a nossa equipe em atendimento@barilocheparabrasileiros.com.br.

Quais são os sintomas principais relacionados ao Covid-19

  • Febre acima de 37,5°C
  • Tosse seca contínua
  • Dor de cabeça
  • Dor de garganta
  • Dificuldade para respirar
  • Perda de olfato e/ou gosto
  • Diarréia e/ou vômito
Sintomas do Covid-19

Dicas de prevenção

  • Use sempre a máscara.
  • Mantenha distância mínima de 2 metros de outras pessoas.
  • Lave as mãos frequentemente com água e sabão ou álcool gel.
  • Evite tocar o rosto com as mãos.
  • Ao tossir, cubra a boca e o nariz com o braço com o cotovelo dobrado.
  • Evite lugares fechados e mal ventilados.
  • Não perca tempo desnecessariamente em lugares fechados com outras pessoas.
reabertura do turismo na Argentina
Aeroporto de Ezeiza em Buenos Aires. Foto: Ignácio Sanchez.

Enquanto turistas, quando pudermos viajar, devemos sempre redobrar o nosso cuidado e atenção aos protocolos sanitários. Desde usar corretamente a máscara até nos atentarmos para o distanciamento interpessoal. É cuidado com a gente mesmo e respeito com os outros turistas e anfitriões.

Claro que sempre encontraremos pessoas, residentes ou turistas, que não respeitam as regras. Até mesmo estabelecimentos que falham no cumprimento adequado dos protocolos. Mas não sejamos nós estas pessoas. Ao contrário, sejamos aqueles que cumprirão tudo e, sempre que oportuno e na medida do possível, chama a atenção e/ou auxilia no cumprimento das regras que são para o bem de todos.

Qualquer novidade sobre a volta do turismo internacional, divulgaremos nas nossas redes. Dúvidas ou ajuda para planejar sua viagem para o 2021? Fale com a nossa equipe em atendimento@barilocheparabrasileiros.com.br.

Alejandro Sainz

Autor: Alejandro Sainz

Alejandro é irmão da Sabrina e sócio-diretor do Bariloche para Brasileiros. Músico e publicitário brasileiro e argentino, nasceu em Buenos Aires, mas cresceu e vive no Rio de Janeiro. Ficou tão deslumbrado quando conheceu a Patagonia e Bariloche, que compôs uma música chamada “Patagonia” com sua banda de rock, que virou disco e videoclip realizado apenas com filmagens da região. Seu lugar preferido é a estepe patagônica. Também é louco pelas cervejas artesanais, chocolates e tudo que é “ahumado” (defumado) da região: comida, cerveja, molhos etc.

79 pensamentos

  1. Pena! Eu iria realizar um sonho indo para Bariloche em Julho. Agora acho que terei que adiar.

    1. caso tenha mais informaçoes sobre a situação coloque aqui para q saibamos oq fazer, estava programando uma viagem para lá tambem

    2. Carlos , na minha opinião no verão é muito mais lindo. Tive a oportunidade de ir em Janeiro/20 antes da PANDEMIA. Fui de carro , lindo demais…acho que vale a pena esperar…

  2. Tenho viagem marcada dia 19/07 para buenos aires e depois bariloche. Estou sem saber o que fazer;

    1. Talvez seja o caso de vc remarcar. A cidade está fechada e não sabemos como estará até lá.

  3. Agradeço o posto Alejandro, pois tenho viagem marcada com minha família para o final de Agosto deste ano, mas já vi que a viagem não será possível. As informações do seu site são de grande ajuda.

    1. De nada, Helber! Pode contar com a gente sempre para manter todos atualizados com toda transparência sobre a situação de Bariloche. Não deixa de seguir os nossos Instagrams e acompanhar as nossas lives por lá. Você pode assistir as anteriores que ficam gravadas no IgTv do Bariloche para Brasileiros.

  4. Tenho viagem marcada para o dia 04/09 para Bariloche! Você acha que até lá vai voltar a poder ir viajar para aí?

    1. Oi, Paulo. Eu acho difícil que volte em setembro. As estações de ski não abriram nem para os residentes ainda. Acompanhe as nossas lives no Instagram e no YouTube. Estamos sempre atualizando sobre a situação. Principalmente na terça-feira, às 19h, no Bate-papo Bariloche nos Instagrams da Destino Sul e do Bariloche para Brasileiros. Não posso afirmar, mas acho que só teria esperanças a partir de outubro e ela aumenta a cada mês que avança.

    1. Oi, Paulo. Eu acho difícil que volte em setembro. As estações de ski não abriram nem para os residentes ainda. Acompanhe as nossas lives no Instagram e no YouTube. Estamos sempre atualizando sobre a situação. Principalmente na terça-feira, às 19h, no Bate-papo Bariloche nos Instagrams da Destino Sul e do Bariloche para Brasileiros. Não posso afirmar, mas acho que só teria esperanças a partir de outubro e ela aumenta a cada mês que avança.

        1. Adriana, eu tenho passagem marcada para início de junho. Ainda não sei como será. Ninguém tem como prever por enquanto. Só nos resta torcer pelo avanço da vacinação o mais rápido possível e que governos e população tenham sabedoria e respeitem os protocolos sanitários. Seguimos na torcida e com esperança. Mas não abrimos mão de um turismo seguro para a vida dos passageiros.

  5. Bom dia, minha viagem estava marcada para Julho, conseguimos adiar para Outubro! Vc acha que outubro já está melhor aí? Não sei nem se a cidade está liberada! Obrigada

  6. olá Alejandro. Alguma novidade da abertura das fronteiras? Programei uma viagem de carro até Ushuaia começando em Janeiro/21 mas não consigo ver nenhuma data de reabertura de fronteiras internacionais e mesmo entre as províncias. Agradeço qualquer informação. Abraço

    1. Olá! Ainda não há data confirmada. Se inicia este ano uma abertura controlada para turistas da própria província de Río Negro, onde está Bariloche.

  7. Eu tenho viagem marcada para a cidade de Viedma dia 11/12 para um eclipse solar. Nessa devo esperar até o último momento antes de cancelar, né?

  8. Boa noite, agradeço pela reportagem. Será que seria possível viajar em janeiro? Grata

    1. Oi, Clara! Que bom que gostou. Considero possível a abertura do turismo internacional em janeiro. Mas ainda não há nenhuma previsão concreta. O que já existe é um turismo em Bariloche para turistas da província, mas também é altamente controlado e limitado a 500 pessoas por semana. E ideia é testar todos os protocolos e ir ampliando a abertura a medida em que se tem sucesso.

        1. Karina, não dá pra saber. Mas para quem pretende viajar em julho, o melhor mesmo é que agora as medidas sejam as mais restritivas possíveis e que a vacinação avance o mais rápido que der. Afrouxar restrições agora, na situação em que estamos, seria comprometer ainda mais as possibilidades de haver uma alta temporada.

  9. Olá, estava pensando em viajar a Buenos Aires em janeiro do ano que vem e as informações postadas aqui foram de muita valia, obrigado.

    Você sabe dizer qual é a situação na Argentina hoje, dia 14 de outubro, para a entrada de turistas internacionais? Agradeço.

    1. Oi, Vinicius! A situação hoje é ainda de falta de previsão. Em Bariloche inicia nesta sexta-feira uma experiência-piloto para receber 500 turistas por no máximo 1 semana e com todos os cuidados necessários. É um primeiro passo concreto para iniciar a reabertura.

  10. Oi! Tenho passagens pra El Calafate em dezembro (já estou solicitando a mudança pq acredito que não vai ter o voo ate lá). Mas a dúvida, será que mudo também o destino pra Bariloche ou Ushuaia pra fev/mar?

    1. Oi, Dani! Dia 2 de novembro abriu a fronteira via área com o Brasil pelo Ezeiza e restrita a Buenos Aires. No entanto, a governadora de Río Negro, onde está Bariloche, já solicitou ao governo federal que libere também a chegada de brasileiros a Río Negro, inclusive com voos diretos pela Aerolíneas. A governadora pediu isso, pois em dezembro além de começar a alta temporada de verão, também acontecerá o fenômeno do Eclipse Solar, que na região das proximidades de Bariloche será de 100%. Assim que existe uma enorme expectativa para que os brasileiros possam vir à Bariloche em dezembro já. Já existem até voos à venda na Aerolíneas para dezembro. Mas precisamos aguardar a resposta do governo federal ao pedido da governadora, que, acredito, acontecerá nesta semana.

      1. Olá Alessandro ! Estou perdida… comprei uma passagem para el calafate saindo do RJ dia 15/12, mas estou achando complicado mesmo… será que abrirá? Obrigada!

        1. Oi, Rafaella! É difícil dizer. Apesar de o ministro do turismo da Argentina falar sobre a reabertura com o Brasil como algo que esteja por acontecer, a situação depende muito da pandemia e tenho receio que os casos voltem a subir após o velório do Maradona.

  11. Comprei minha passagem para janeiro, existe possibilidade de reabertura em janeiro?

    1. Oi, Robson! Sim, é possível reabrir em janeiro. A situação no momento é: dia 2 de novembro abriu a fronteira via área com o Brasil pelo Ezeiza e restrita a Buenos Aires. No entanto, a governadora de Río Negro, onde está Bariloche, já solicitou ao governo federal que libere também a chegada de brasileiros a Río Negro, inclusive com voos diretos pela Aerolíneas. A governadora pediu isso, pois em dezembro além de começar a alta temporada de verão, também acontecerá o fenômeno do Eclipse Solar, que na região das proximidades de Bariloche será de 100%. Assim que existe uma enorme expectativa para que os brasileiros possam vir à Bariloche em dezembro já. Já existem até voos à venda na Aerolíneas para dezembro. Mas precisamos aguardar a resposta do governo federal ao pedido da governadora, que, acredito, acontecerá nesta semana.

      1. Olá. Entrada na Argentina só aérea? Estávamos programando ir de carro até Ushuaia final de dezembro..
        Obrigada pelas informações.

  12. Bom dia! Você poderia nos atualizar quanto a viajar para a Patagônia Argentina em Dezembro, na época do Natal? Muitíssimo obrigado.

    1. Oi, Edson! Por enquanto a reabertura do turismo se limita a Buenos Aires por via aérea. Há no entanto uma esperança de que no verão, até mesmo já em dezembro, essa abertura possa se estender a Bariloche também. A governadora de Río Negro, onde está Bariloche, solicitou que a reabertura se estenda à província, inclusive com voos diretos do Brasil. Mas ainda não temos uma resposta a este pedido nem data confirmada. Acredito que em breve tenhamos notícias concretas.

      1. Ja mudou algo desde novembro? Acha que já podemos ir para Patagônia no final de dezembro?

        1. Camila, ainda não temos a data. Não posso dizer que final de dezembro não é mais possível, mas aposto mais na primeira quinzena de janeiro.

  13. Bom dia, Alejandro.
    Tenho viagem marcada para Bariloche no começo de Dezembro.
    Por favor, dê-me uma boa notícia de que será possível minha viagem.
    Um abraço,
    Angela Yankous

    1. Oi, Angela! Estamos todos aguardando esta boa notícia. Ela pode sair a qualquer momento. O ministro de turismo da Argentina disse que se tudo continua indo bem, Bariloche estará aberta para o Brasil até o final do mês.

  14. Olá! tudo bom? Sabe me dizer se tem previsão de reabertura para turistas ir por via aérea para Ushuaia em Abril?

    1. Oi, Danielly. Não há data certa ainda. Mas o ministro de turismo já disse que se tudo continua indo bem, El Calafate estará aberta para o Brasil até o fim do mês. Então, acredito que em abril seja muito difícil que Ushuaia ainda não esteja aberta.

    2. Boa noite, queria saber se é possível sair da argentina de carro? Se alguém puder me ajudar. Preciso voltar para o Brásil urgente, e não sei como fazer. Falei com consulado diZ que não tem problema para sair. Mas vejo que o pessoal publicando que não dá. Saberia me informar?
      Obrigada.

      1. Oi, Juciara. O consulado é a fonte mais competente para te orientar. Onde você está? Se estiver em Buenos Aires é só pegar um avião em Ezeiza. Se estiver em outra cidade, confirme com o Consulado Brasileiro. É importante que você não esteja com sintomas de Covid-19 ou precisa cumprir quarentena de 14 dias respeitando os protocolos sanitários.

        Veja aqui neste link informações para conseguir uma permissão de circulação: https://www.argentina.gob.ar/circular/preguntas-frecuentes

        Você pode solicitar aqui: https://formulario-ddjj.argentina.gob.ar/descargar/extranjero/por-pasaporte

        Se autorizarem, você terá a permissão para apresentar a qualquer autoridade, caso necessário.

  15. Olá , vou dia 13 pra Buenos Aires , mas meu destino é Santa Fe , e minha passagem de volta está Santa Fe – Guarulhos . Se somente Buenos Aires está aberta vou ter problemas na imigração ? Vai ver minha passagem de volta e está como Santa Fe

    1. Welder, verifique com sua companhia aérea ou agente de viagens. A última informação é que turistas de países limítrofes estão restritos a Buenos Aires.

  16. Bom dia, Alejandro.
    Como é o formulário eletrônico que deve ser preenchido?
    No post, também está escrito que ao chegar em Buenos Aires, é necessário fazer novamente o exame para Covid. Onde?
    Você poderia me explicar melhor as exigências para brasileiros entrarem na Argentina?
    Obrigada,
    Mônica

    1. Oi, Mônica. Obrigado pelas perguntas. Vou inclusive esclarecer melhor na matéria. O formulário eletrônico é a declaração jurada que deve ser feita dentro das 48h que antecedem a viagem aqui: https://ddjj.migraciones.gob.ar/app/

      O teste será feito no próprio aeroporto Ezeiza e você não precisa esperar pelo resultado no local. Ele será enviado para o email que você informar. Lembrando que é essencial o seguro de viagem com cobertura específica para Covid-19.

  17. Boa noite, Vamos para Buenos Aires no dia 19/12, mas consultei várias seguradoras e não encontrei nenhuma que coloque na apólice a cobertura específica para covid, apesar de algumas afirmarem que cobrem. Você teria alguma para nos indicar? Obrigada

  18. Chego dia 12 /12 em Buenos Aires , e vou pra Rosário mas não tenho endereço de hotel ficar. Posso colocar endereço de casa de amigo na imigração que mora em Buenos Aires? Pois no no mesmo dia vou de transfer pra Rosário , minha passagem de volta está como ROSARIO- Guarulhos , não sei se é melhor na imigração colocar endereço de Rosário ou do meu amigo de Buenos Aires

    1. Oi, Pedro. Se você não vai ficar em Buenos Aires e vai no mesmo dia para Rosário, acho que deve colocar o endereço de Rosário. Se ainda não sabe, espere para colocar quando souber. E tenha o endereço do seu amigo, caso perguntem. Simplesmente relate a coisa como ela é.

  19. Gratidão pelo post, Alejandro. E por todas respostas. Temos programada viagem de carro pela Patagônia, iniciando no dia 4 de janeiro e indo até fevereiro ou março. Li em alguma matéria que as fronteiras terrestres deverão abrir em 15 de dezembro. Sabes sobre isso? Será que confirma?

    1. Olá! Obrigado! Sobre a data de reabertura com países limítrofes, ainda não há nada oficial. Já estão abertas as fronteiras entre províncias e o turismo acontece entre todo o país. Sabemos que as autoridades da província e de Bariloche solicitaram e pressionam por uma reabertura para o turismo com países limítrofes. Mas dependemos do governo federal e ainda não nos deu uma data. No meio turístico há quem diga que deve reabrir em meados de janeiro. Outros esperam que abra antes. Vamos ver como serão estes dias com o turismo reaberto para outras províncias. Ao menos os passos estão sendo dados.

  20. Olá. Obrigada pela matéria, muito esclarecedora. Mas gostaria de saber se você sabe de alguma novidade sobre a abertura das fronteiras terrestres. Estava planejando ir de carro pra Corrientes no dia 28/12 E voltar dia 2 de janeiro. Poderia me ajudar?

    1. Oi, Aline. Ainda não temos a data da reabertura internacional por vias terrestres.

  21. Sou Brasileiro mas tenho a residência argentina com o DNI, pretendo voltar a Bariloche em janeiro, sabe me informar se também preciso desse teste de covid e do seguro? Obrigado!

    1. Oi, Thiago. Se é residente com DNI, está na Argentina, para turismo doméstico, não precisa. Apenas deve ver as normas de cada província, no caso de Bariloche, a de Río Negro. Se estiver no Brasil, aí sim, vai precisar, pois até um argentino precisa. Tanto o PCR negativo 72h antes contando a hora do embarque, quanto o feito em Buenos Aires, na chegada ao Ezeiza. A diferença é que o teste feito em Buenos Aires é gratuito para os argentinos e custa 2500 pesos para estrangeiros. Você pode ver os detalhes do que a Província de Río Negro solicita aqui: https://www.argentina.gob.ar/verano/rio-negro

      1. Obrigado pelo retorno, estou no Brasil mesmo!
        Tiveram algum esclarecimento oficial sobre a reabertura para brasileiros, que estava prevista para dia 20?

        1. De nada, Thiago. Ainda não há posição sobre reabertura. O governo deve decidir hoje, no entanto, mas em sentido contrário, dada a situação no mundo, particularmente no Reino Unido, e com os riscos maiores de aglomeração nas festas de fim de ano.

  22. Alguma noticia ou informação sobre USHUAIA e EL CALAFATE? Tenho viagem (REMARCADA) para abril/2021.

    1. Oi, Juli. Nenhuma novidade ainda. A Argentina está fechada para turistas estrangeiros até 31 de janeiro. As decisões são tomadas normalmente em cima da hora. Então temos que ficar ligados semana a semana. O próximo “checkpoint” é 31 de janeiro.

  23. Bom dia, gostaria de saber se em Abril de 2021 as coisas já estarão mais normalizadas na Argentina, ou é difícil saber agora?

    1. Oi, Flávia. Nem o presidente da Argentina saberia responder isso. Estamos com a entrada suspensa até 31 de janeiro. Após esta data, veremos. O governo argentino tem tomado as decisões na pandemia em cerca de 15 em 15 dias, que é o período que se percebe alguma alteração ou não na tendência dos contágios. Não há outra forma que não seja acompanhar semana a semana as notícias.

  24. O melhor a se fazer é torcer que a maior quantidade de pessoas seja vacinada o mais rápido possível para que possamos logo voltar a passear por aí, ver as pessoas e tudo mais… Paciência

  25. Olá! Sabe se eu como brasileiro ingressar ir para a Argentina apenas para trânsito internacional, sem sair fo aeroporto? Seria GRU para EZE pela Ethiopian e depois EZE para Frankfurt pela Lufthansa…. grato desde já

    1. GP, pelo que diz o decreto, interpreto que não. Os voos para turistas não residentes foram suspensos. Então é uma restrição que já impede o embarque para a Argentina. Sem falar que, no mesmo voo, alguns estarão em trânsito (como você), mas outros ficarão em Buenos Aires. Ou seja, todos no mesmo voo são contatos próximos em caso de alguém de contaminar.

  26. Bom dia Alejandro! Tenho acompanhado as noticias e também evolução do numero de casos com mais atenção desde outubro do ano passado, quando a Argentina anunciou a reabertura do turismo para países limítrofes, embora apenas na região metropolitana de Buenos Aires. Eu tinha esperanças de que o governo de Fernández autorizasse o turismo para além de Buenos Aires antes do novo fechamento, já que tenho uma viagem marcada para abril/21 para Ushuaia e El Calafate (viagem que era pra ter sido em maio de 2020). Mas a verdade é que com essa(s) nova(s) cepa(s) brasileira(s) do coronavírus, tenho quase 100% de certeza que a Argentina vai manter as fronteiras fechadas para o turismo na maior parte do ano para nós. Talvez ensaie uma nova reabertura em outubro, igual ano passado. Muita gente pode me taxar como pessimista, mas na verdade estou sendo apenas realista. As chances de turismo na Argentina esse ano são bem remotas. Embora não concorde muito, já que os testes exigidos antes do embarque com 72hrs de antecedência e o novo teste em Ezeiza estavam se mostrando eficazes. Não acredito que o novo aumento que a Argentina teve nos casos tenha sido causado pelo turismo, mas sim pelas festas de fim de ano, assim como foi no Brasil (com o agravante das aglomerações que tivemos nas eleições um pouco antes). Mas é isso que vivemos nesse momento. Infelizmente enquanto tivermos vivendo com essa incerteza, o turismo internacional vai ser somente um sonho distante (no passado e no futuro).

  27. Moro no Rio de Janeiro .Minha viagem para Bariloche estava programada desde dezembro de 2019 para julho de 2020. Eu e minha esposa passaríamos 8 dias em julho de 2020. Tudo comprado, tudo pago, e nos vimos na necessidade , pela nossa segurança, adiar nossa viagem para 2021. Com a oferta da vacina, reagendamos tudo para julho de 2021. E agora estamos vendo nossos planos novamente irem pelo ralo. Espero que possamos pelo menos estarmos vacinados em nossas férias, para que, se não conseguirmos viajar para Bariloche, que ao menos estejamos vacinados.

    1. Oi, Marcelo! Sim, estamos acompanhando muitos casos como o seu. É como você disse: em primeiro lugar, a vacina. Precisamos que todos se cuidem e que respeitem os protocolos sanitários e que a vacinação avance o mais rápido possível. Esse é o único caminho para viabilizar o mais rápido possível o retorno do turismo, do qual tantos trabalhadores e empresas dependem.

  28. Olá…
    Será que haverá a possibilidade de Agosto/21 estar normatizado para o turismo em Bariloche?
    Minha lua de mel é em agosto e estou preocupada em aguardar e la na frente não conseguir viajar.
    Qual a sugestão de vocês? Devo aguardar ou cancelar a viagem e ir em uma outra ocasião?

    1. Juliana, aguarde um pouco mais. Ainda faltam 4 ou 5 meses para sua viagem. Se nos próximos 3 meses não houver uma grande reviravolta, adie.

  29. Oi! Essa quarentena de 10 dias, mesmo com o PCR negativo, o brasileiro faz no Brasil mesmo? Ou são 10 dias lá na Argentina? Porque geralmente os pacotes são de 5 a 7 diárias, e então como ficariam esses dias a mais?

    1. Oi, Mariana! Essa quarentena não é para o turista, que ainda não pode viajar. Quando o turismo reabrir, certamente não haverá quarentena, pois não é possível haver turismo com quarentena. As medidas atuais são válidas para as raras exceções de quem ainda pode entrar no país e normalmente com solicitação de autorizações especiais. O momento é de todos nos cuidarmos e só circular por motivos essenciais. Assim, o turismo reabrirá o quanto antes e, certamente, sem quarentena obrigatória para todos.

Deixe uma resposta