Novo coronavírus (COVID-19): situação em Bariloche e Argentina

Governo argentino avança em protocolos para o retorno dos voos domésticos e internacionais

Atualização: 0:28 – 11/6/2020.

Apesar dos números de Covid-19 continuarem crescendo na Argentina, o governo segue planejando os próximos passos do turismo e do transporte. A previsão é que na metade de julho serão retomados os voos domésticos entre as províncias argentinas, mas sem passar por Buenos Aires (Província e Capital Federal), que é a região com quase de 90% dos casos confirmados do país. A abertura deverá ser negociada com cada governador.

Ministro do Turismo argentino se reuniu com embaixadores da União Europeia nesta quarta-feira, 10/6/20.

Já a estimativa para o retorno dos voos internacionais é para a metade de agosto, mas isso vai depender da situação da pandemia em cada país. Uruguai e Paraguai devem ser os primeiros países com voos liberados para a Argentina, pelas estatísticas destes países. O Ministro de Transporde da Argentina disse:

“Estamos na posição de trabalhar para estabelecer etapas para a abertura e o regresso dos voos de maneira ordenada, analisando as condições de circulação do vírus nos diferentes países.”

Assim, tão ou mais importante do que a Argentina estar preparada para uma reabertura dos voos internacionais, é o Brasil estar preparado e com os casos de coronavírus sob controle.

O governo argentino acredita que a situação deve ficar mais ou menos normal entre a metade de setembro e outubro. 

As alterações das medidas dos voos comerciais que serão divulgadas nas próximas semanas poderiam ser modificadas dependendo da evolução da pandemia.

Fonte e imagens: Ambito.com e Ministerio de Transporte de La Nacion (Argentina)

Fontes de informação confiáveis e oficiais sobre o COVID-19

Você pode acompanhar relatórios diários do Ministério da Saúde sobre a situação do novo coronavírus na Argentina aqui.

Para além do vírus, a desinformação e o alarmismo acabam sendo uma grande preocupação. É muito importante que a gente se informe e se atualize apenas através das fontes confiáveis sobre o tema, que são a Organização Mundial de Saúde e, no Brasil, o Ministério da Saúde e a Fiocruz, por exemplo. Você pode verificar e se atualizar sobre o corona vírus da forma segura nos seguintes sites:

Sobre o Brasil

Fiocruz

Ministério da Saúde do Brasil.

Sobre a Argentina 

Ministerio Salud de La Nación 

Perfis de Instagram: @MunicipalidadDeBariloche e @rionegrogob.

Alejandro Sainz

Autor: Alejandro Sainz

Alejandro é irmão da Sabrina e sócio-diretor do Bariloche para Brasileiros. Músico e publicitário brasileiro e argentino, nasceu em Buenos Aires, mas cresceu e vive no Rio de Janeiro. Ficou tão deslumbrado quando conheceu a Patagonia e Bariloche, que compôs uma música chamada “Patagonia” com sua banda de rock, que virou disco e videoclip realizado apenas com filmagens da região. Seu lugar preferido é a estepe patagônica. Também é louco pelas cervejas artesanais, chocolates e tudo que é “ahumado” (defumado) da região: comida, cerveja, molhos etc.

7 pensamentos

    1. caso tenha mais informaçoes sobre a situação coloque aqui para q saibamos oq fazer, estava programando uma viagem para lá tambem

  1. Tenho viagem marcada dia 19/07 para buenos aires e depois bariloche. Estou sem saber o que fazer;

    1. Talvez seja o caso de vc remarcar. A cidade está fechada e não sabemos como estará até lá.

  2. Agradeço o posto Alejandro, pois tenho viagem marcada com minha família para o final de Agosto deste ano, mas já vi que a viagem não será possível. As informações do seu site são de grande ajuda.

    1. De nada, Helber! Pode contar com a gente sempre para manter todos atualizados com toda transparência sobre a situação de Bariloche. Não deixa de seguir os nossos Instagrams e acompanhar as nossas lives por lá. Você pode assistir as anteriores que ficam gravadas no IgTv do Bariloche para Brasileiros.

Deixe uma resposta